Sopa de tomates do quintal.

10 de jan de 2013





Tomates são amor em forma de fruto, sobre isso não tenho dúvidas. 
Eles podem tanto ser uma comida fresquinha, como quando são usados em saladas cruas, quanto ser uma comida reconfortante, quando são assados, grelhados, marinados, cozidos, transformados em molho...
E quando nascem às pencas no quintal? Quando, no calor, a gente tira uma tigela cheia de tomates por dia?
Aí é amor demais pra uma pessoa só. Aproveitei em uma tarde que choveu e ficou mais fresco e fiz deles uma sopa para dividir com a família.




Como esses tomates do quintal da minha mãe são acidinhos, complementei a sopa com batata doce para equilibrar. E por serem suculentos, me recusei a acrescentar água.

1 3/4kg de tomates (Creio que equivale a umas 8 ou 9 xícaras, depois de cortados. Olha, honestamente eu não sei como se chama a variedade que usei. Eles se parecem com tomate italiano na forma, mas são bem menores, de sabor intenso, um pouco ácidos e um pouco doces. Você aí fique à vontade pra usar o tomate que bem entender/ tiver à mão).
1 cebola roxa
1 cebola branca pequena
5 dentões de alho
Azeite de oliva e manteiga para refogar
1 batata doce grande (digamos que ela tivesse uns 600g?)
Salsinha picada, pimenta calabresa, pimenta do reino para polvilhar na hora de servir, e azeite de oliva
Sal à gosto
(Medida da xícara: 240ml)

Lavei os tomatinhos em água corrente e cortei cada um em 4 partes, de comprido. Deixei de lado.


Esmaguei os dentes de alho contra a tábua de corte com a ajuda de uma faca grande de lâmina larga, depois piquei para que ficassem em pedaços pequenos. Cortei as cebolas em quadrados pequenos.
Em uma panela grande e larga coloquei as cebolas e alhos para refogar em azeite de oliva e manteiga (uma colher de sopa de cada mais ou menos), sobre fogo baixo.
Deixei refogar bem devagar na panela tampada, mexendo uma vez ou outra, até que a cebola ficasse transparente e bem macia.
Subi o fogo para o máximo e acrescentei todo o tomate à panela, mexendo constantemente por 1 ou 2 minutos, até começar a murchar.
Baixei o fogo de volta e tampei a panela para que os tomates soltassem líquido. Ficaram assim por uns 30 minutos, mexendo às vezes.
Passado esse tempo, coloquei na panela a batata doce cortada em cubos pequenos, e continuei cozinhando da mesma maneira até ficar macia.
Até aí a coisa toda se parece mais com um molho do que com uma sopa, porque é bem pedaçuda.
Por isso retirei 2 1/2 xícaras do conteúdo da panela e processei no liquidificador até ficar bem liso. Voltei à panela essa parte liquidificada, salguei, e cozinhei por mais 5 minutos antes de servir. Deixei a salsinha picada pequena, pimentas e azeite para cada um pôr no prato o quanto quisesse.
Para uma refeição completa, fica muito bom servir essa sopa com um ovo poché e uma salada.

Serve três pessoas.





PS: as fotos que ilustram esse post foram feitas pela minha mãe. Muito obrigada, bonita. 

8 comentários:

mfuhlendorf disse...

Tentarei essa. Vamos ver o que sobra da minha cozinha.

Marmita disse...

Não há melhor mesmo, é de longe o meu legume preferido.. agora vieram os cientistas dizer que são fruta... olha não sei mas tal como tu adoro de todas as maneiras tá mesmo simplesmente maduros acabados de apanhar com umas pedras de sal por cima, perfeição! beijos

Juliana Valentini disse...

Flora, que delícia de post! Adorei "aí é amor demais para uma pessoa só"!!!
Ando com calor demais pra fazer sopa, mas essa é daquelas que dá pra tomar mais friazinha, não? Vou experimentar, que a boca já tá salivando.
Escreva mais, seus posts são muito gostosos de ler!
Beijo grande,
Juliana.

Flora. disse...

Max, e aí? Testou?

Marmita, às vezes eles confundem a gente, não é mesmo? haha
Independente da classificação científica dos tomates, concordamos que são uma delícia :)

Juliana, acho que funciona numa versão mais veranil também, sim.
Aposto que seu quintal deve ter muitas coisas boas pra ir testando receitas, hein?
Obrigada pelo carinho. To com uns posts engatilhados aqui, o bonito é sentar na frente do computador e terminar de escrever pra publicar... haha. Hoje saiu um novo, veja que tal.

Beijos nos três.

Deisy disse...

E quando o comentário é só para falar "quero muito experimentar"? Como faz? haha

Flora. disse...

Aah, daí a gente precisa ir na feira pra almoçar uma sopa dessas juntas, Deisoca!

sanjana reddy disse...

its a very good recipe.. thanks a lot. for beverages check Beverage Recipes

Flora. disse...

Hey Sanjana, thank you :)
Do you write those beverage recipes?
I have read it very quickly, but got very curious about some ingredients that I don't know. Where are you from?

Postar um comentário